Bem vindo! Hoje é domingo, 20 de maio de 2018

Arquitetura e Urbanismo e Engenharia Civil da Urcamp realizam semanas acadêmicas

Os cursos de Arquitetura e Urbanismo e de Engenharia Civil da Universidade da Região da Campanha realizaram, ao longo dos últimos dias, suas respectivas semanas acadêmicas. As atividades envolveram estudantes e professores, numa programação repleta de conhecimento e interação.

A primeira atividade da Arquitetura foi com a palestra da docente da Urcamp, professora Magali Collares. Ela relatou a sua tese de doutorado, sob o título “Fronteira do Moderno – Holanda Mendonça e a Difusão da Arquitetura Brasileira no Sul”. Num segundo momento, a quadra do Ginásio Corujão sediou uma Mostra de espaços internos e materiais de construção, onde empresas que trabalham nesse ramo foram convidadas a expor seus produtos e, assim, estimular a troca de ideias e novidades com os acadêmicos. 
Patrícia Müller, que concluiu o curso de Arquitetura na Urcamp, em 2011, foi uma das convidadas. Ela é proprietária da loja Home, especializada em produtos de acabamento, revestimentos, iluminação e presentes. “Acho importante participar e colaborar com o evento da universidade. É bom pra a gente e para os alunos, porque temos a oportunidade de mostrar os produtos que estão em evidência e obter essa troca com os futuros colegas e parceiros”, explica.

A Semana Acadêmica é organizada com o apoio de uma comissão de alunos. Thomas Mesquita é um dos responsáveis pelo trabalho, juntamente com Andriele Furtado e Emerson Gonçalves Júnior. Ele diz que é importante valorizar empresas e mão de obra local. “Esse ano trouxemos um pouco de material da construção civil, maquinários, revestimentos, laminadas, acrílicos para mostrar que nós não precisamos sair fora da cidade para termos acesso a essas novidades e isso agrega valor para a cidade e para o arquiteto”, justifica.

Júnior, por sua vez, destaca a importância do convívio mais próximo entre professores e alunos. “Nos traz experiências novas, agrega conhecimento, nos aponta quais materiais vamos utilizar depois de formados, sem falar nos minicursos que aprofundam questões que a gente vê em sala de aula”, frisa.

O espaço contou ainda com uma performance e intervenção do artista plástico Carlo Andrei Rossal, que pintou uma tela durante a realização do evento e demonstrou técnicas de pintura a óleo. Para a coordenadora do curso de Arquitetura, Marília Barbosa, a mobilização em torno do saber é o grande foco das semanas acadêmicas. “É o conhecimento que chega de todas as formas. Aqui os alunos têm a oportunidade de conviver e aprender de forma diferenciada. A programação traz para dentro da universidade experiências do mundo profissional, através de palestras e atividades práticas”, revela.

Até este sábado

A Engenharia Civil e a Arquitetura, indiscutivelmente, se complementam e são igualmente importantes numa obra. De forma geral, cabe ao arquiteto a elaboração dos espaços internos da construção, do entorno de uma fachada, por exemplo. Já o engenheiro tem o trabalho de dimensionar vigas, colunas, pilares e apoios, calcular a distribuição de cargas e projetar as instalações hidráulicas. Dessa forma, ambos os cursos da Urcamp atuam de maneira integrada. E nas semanas acadêmicas não foi diferente, alunos de ambos os cursos circularam entre uma atividade e outra, numa simbiose de troca de conhecimentos.

A reitora da instituição de Ensino Superior, Lia Quintana, que é engenheira civil, fez a abertura da Semana Acadêmica do curso e relatou os investimentos realizados nesse início de semestre, como laboratórios didáticos com computadores novos, laboratório de topografia,  de materiais de construção e técnicas construtivas, este sendo o único da região que presta serviços externos para empresas, uma biblioteca remodelada com livros novos e atuais sobre Engenharia, compra de equipamentos, além de uma remodelação na parte acadêmica, com professores e conteúdos dinâmicos e modernos. 

O curso tem conceito 4 no MEC, numa escala de zero a 5, o que é considerado ótimo entre os acadêmicos. “Nós queremos continuar sendo referência no ramo da engenharia na região, por isso investimos e vamos continuar trabalhando para que os alunos tenham, aqui, uma formação de qualidade, para que saiam, de fato, preparados para enfrentar o mercado lá fora”, justifica a reitora.
O estudante do 10º semestre Joelmir Lopes Meurer acentuou a qualidade do corpo docente. “O nosso diferencial aqui no curso é que todos os professores estão atuando como profissionais no mercado, então eles nos trazem situações reais do dia a dia da profissão e isso nos dá muito embasamento”, salienta.

Dois cursos dividiram turmas de acadêmicos, conforme o interesse individual. Um deles foi a oficina de Revit Básico, um programa em 3D utilizado na construção de projetos, estradas e topografias. O outro foi um minicurso sobre ondas gravitacionais e história da Física, disciplina fundamental dentro da Engenharia. Num outro momento, os alunos participaram de uma palestra no salão de atos da Prefeitura Municipal de Bagé. A atividade teve como palestrante o diretor comercial da empresa Colmeia Engenharia Inteligente, com sede em Esteio, na região metropolitana de Porto Alegre, Júlio Delfino, que falou sobre “Empreendedorismo na Construção Civil”.

A 8º Semana Acadêmica do Curso de Engenharia Civil encerra neste sábado, com uma visita no IFSul. O tema abordado será “Estrutura de Células Fotovoltaicas”, que são dispositivos capazes de transformar a energia luminosa vinda do sol ou de uma outra fonte de luz, em energia elétrica. “Conseguimos levar exemplos aos nossos alunos, experiências de quem atua na área, que servem de estímulo, além do aprendizado. Estou muito satisfeito com o resultado desse evento”, sintetiza o coordenador da Semana Acadêmica da Engenharia Civil, Carlos Bellinaso.